Análise – KingdomCome Deliverance – Royal Edition

2 semanas atrás • Universo Nintendo • Via CoelhoNews.com: Seu agregador de notícias Nintendo

O Nintendo Switch possui muitos jogos de fantasia medieval de mundo aberto que são incríveis de jogar, mas poucos trazem uma abordagem mais próxima da realidade medieval, e com um conteúdo histórico estudado como KingdomCome Deliverance – Royal Edition.

Muito mais que um jogo de ação em primera pessoa de mundo aberto medieval, KingdomCome é, praticamente, um simulador de vida daquela época, com uma rica ficção criada dentro de um contexto histórico real. E o Royal Edition em seu nome tem um motivo: acompanha todos os DLCs do jogo.

Um porte incrível

Eu já havia ficado impressionado com os portes trazidos pela Saber dos jogos Vampyr e The Witcher 3 no sistema, e mais uma vez foi provado o quanto o híbrido da Nintendo consegue aguentar jogos de grande porte quando otimizados de forma estudada.

kingdom_come_deliverance_menus
Baseado em fatos históricos, o jogo é cheio de informação interessante e realmente faz o jogador se sentir na era medieval. Os menus, no entanto, não são nada intuitivos.

KingdomCome Deliverance é um jogo enorme, não somente no mundo e nos gráficos, mas também nas atividades e ações possíveis de se realizar dentro do jogo. Assim como os dois jogos anteriores já mencionados, KingdomCome também sofre redução gráfica, mas não a ponto de estragar a experiência, especialmente no modo portátil. Já nas televisões 4K é possível ver o quanto o jogo foi reduzido graficamente, mesmo que isso não deixe o jogo feio para caber no Switch.

Prepare para vivenciar a era medieval de uma forma muito realista

Eu tenho várias críticas ao jogo, mas devo confessar de início o quanto KingdomCome me viciou.

Além da história prender muito já no início, com uma direção e escrita sem igual dentro de um contexto histórico real e com uma direção épica, somado a liberdade de coisas que você pode fazer no jogo com consequências severas, realmente me cativou.

Mas para engrenar nesse mar de possibilidades, passei por muitas frustrações. O jogo é como uma vida real medieval. Sem direção no mapa, tendo que cuidar da minha fome, da minha higiene, do meu sono e ainda ter que conviver com dois males (do qual você é obrigado a escolher no início do jogo) não foi moleza.

E mesmo assim, a cada tentativa e erro a vontade de explorar mais e mais cresceu. E isso tudo só no tutorial.

kingdom_come_deliverance_royal_edition_cavalo_atividades
Diversas atividades estarão ao seu dispor, e decidir como concluir as missões e viver a sua vida dependerá só de você. E sim, esse cavalo foi roubado!

Ao começar a explorar o jogo após os eventos iniciais então, o prato é cheio. Você tem uma missão principal, missões secundárias e uma vida inteira para experimentar. Você terá um trabalho honesto? Se tornará um cavaleiro? Um comerciante talvez? Ou se tornará um ladrão exímio como eu fiz, assaltando a casa dos outros?

As possibilidades são muitas, e todas muito bem elaboradas. E para manter cada decisão velada, com consequências que podem acabar com seu personagem, o sistema de save foi feito de uma forma a ser bem difícil. Ou então caro (caso você use o item Saviour Schnapps). Isso faz com que cada decisão pese muito, do contrário, ao morrer, você terá que repetir um bom pedaço do que já fez.

E morrer é extremamente fácil. Ao realizar a primeira missão após ser resgatado por Theresa, consegui fazer duas façanhas incríveis e inacreditáveis para roubar um anel (é uma missão secundária) só para morrer ao pular errado de um rochedo, quebrar as pernas, e sangrar até a morte.

Dito isso, é difícil explicar a experiência que é jogar KingdomCome Deliverance. Ela é única, cativante, um jogo diferente, que te dá vontade de explorar tudo devido a um sistema bem único… que ao mesmo tempo frustra demais. É uma balança tênue que sempre fica entre o interessante e a frustração, mas que no final acaba mais frustrando mesmo.

Veredicto

KingdomCome Deliverance, assim como Vampyr e The Witcher 3, foi portado para ser jogado no modo portátil, retendo bons gráficos e mostrando que, quando bem planejado, é possível portar jogos grandes para o console híbrido da Nintendo. Quando jogado em uma televisão 4K, porém, é notável o downgrade gráfico, mesmo retendo um mundo aberto dinâmico e bonito.

kingdomcome_deliverance_batalhas
Há um mundo inteiro a explorar… mas nunca foi tão difícil e desafiador fazê-lo, especialmente com a aproximação da realidade que o jogo traz.

No entanto, a grande questão do jogo é sua jogabilidade. KingdomCome Deliverance é, provavelmente, o jogo que mais se assemelha a um simulador de vida medieval, conseguindo introduzir no meio de suas missões e side-quests diversas atividades que realmente deixam o jogo interessante. Seu principal diferencial é o sistema de save, do qual você só consegue fazer ao dormir em um lugar seguro, ou comprando um item que é realmente caro, e esse detalhe faz você pensar mil vezes antes de tomar qualquer decisão, já que é muito fácil morrer por qualquer coisa, e ter que repetir o que já foi feito.

Eu entendo a ideia, de forçar o jogador a pensar antes de agir e tomar qualquer decisão, e realmente é bem implementado… mas, infelizmente, nem sempre inovação e diversificação significam diversão. Neste caso, pode ocasionar na mais pura frustração mesmo.

VereditoUm dedicado porte que traz um verdadeiro simulador de vida real medieval para o híbrido da Nintendo. Apesar do porte competente, o jogo em si traz uma ideia criativa e inovadora através do sistema de save que, infelizmente, deixa a frustração ser maior que a diversão.PrósJogabilidade ampla e diversificadaÓtima direção, atuação de voz e históriaAmpla liberdade para escolher como prosseguir no jogoEscolhas possuem impacto profundo ContrasMenus pouco intuitivosApesar de loadings rápidos, eles ocorrem com certa frequênciaInteressante sistema de save, porém que causa extrema frustraçãoO simples fato de ter que ir do ponto A ao B pode ser um desafio7{"@context": "https://schema.org/", "@type": "Organization", "name": "Análise – KingdomCome Deliverance – Royal Edition","image": [ "https://universonintendo.com/wp-content/uploads/2024/04/kingdomcome-delivrance_switch_review_capa_cover_art.jpg" ],"review": { "@type": "Review", "reviewRating": { "@type": "Rating", "worstRating": "0", "ratingValue": "7", "bestRating": "10" }, "author": { "@type": "Person", "name": "Vinicius Tarouco" } }}

Continue Lendo

Você pode gostar também
Cover Image for Pokemon Scarlet/Violet Golden Week Mass Outbreak Event Announced

Pokemon Scarlet/Violet Golden Week Mass Outbreak Event Announced

Cover Image for Pokemon Scarlet/Violet Walking Wake And Iron Leaves Tera Raid Event Fourth Run Announced

Pokemon Scarlet/Violet Walking Wake And Iron Leaves Tera Raid Event Fourth Run Announced

Cover Image for Strayed Lights Switch Physical Edition Announced, Pre-Orders Open April 26

Strayed Lights Switch Physical Edition Announced, Pre-Orders Open April 26